CIDADES INTERNAS #5: O CRATO DE ÉRIKA

//Luiz Gonzaga carinhosamente o chamava de Cratinho de açúcar. Terrinha boa, um oásis no sertão cearense.//

Crato é localizado tão longe, mas tão longe de Fortaleza que quase é outro Estado. Não poderia ser diferente: é território cearense. Com sotaque forte, cultura efervescente e muitos costumes que a gente não vê aqui na Capital, Cratinho é pequenininho, mas é muito encantador!

Sou nascida em Barbalha, logo ao lado do Crato. No entanto, como muitas pessoas da região, só fiz mesmo ser apresentada ao mundo ali no Hospital Maternidade São Vicente de Paulo, por um batalhão de médicos da minha família, em plena véspera de Natal de 1990. Nasci, mas fui crescer no Crato. Lá aprendi a andar, correr, andar de bicicleta, arengar com os primos, pular amarelinha e comer muita rapadura da casa de vovó.

O Crato é aquela espécie de lugar que quando chegamos, suspiramos. E a vibração boa que a cidade passa não é pouca. Crato é uma cidade super energizada, pois é contornado pela abundante fauna e flora da Chapada do Araripe. São inúmeras trilhas, cascatas, nascentes e muitos segredos que esta terra guarda e protege, mas que são pouco e mal divulgadas, fazendo com que muitas de suas virtudes se percam no tempo.

Igreja da Sé - Crato
Foto: Dihelson Mendonça

 

Ontem foi celebrado o aniversário do Crato. A “princesinha do Cariri” completou 252 anos de história, tradições populares, riquezas culturais e naturais. Lamentavelmente ainda há muito pra ser reparado e melhorado, tanto referente à administração pública, quanto à conscientização da população. É por isso que deixo aqui meu apelo e peço aos cratenses e àqueles tantos outros que exercem sua democracia no município, que votem por um Crato mais justo, igualitário e por um representante que seja bom gestor, que potencialize as qualidades da cidade, que trabalhe pelo povo e não apenas em prol do próprio bolso.

“Crato amado, idolatrado, teu destino hás de seguir!” (Trecho do Hino do Crato)

A luta continua.

Erika Neves é jornalista, couchsurfer, tutora de um gatinho laranja mimado e não viaja sem uma câmera a tiracolo. É boa de garfo e pra ganhar seu coração, basta que a alimentem.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s